Qual o Lobo Que Predomina Dentro de Ti?

Qual o Lobo Que Predomina Dentro de Ti?

Sabias que dentro de nós existem dois lobos?

Já alguma vez fizeste uma reflexão para ver qual deles predomina dentro de Ti!

Vou hoje abordar pela rama, o complexo mundo do nosso cérebro, e a necessidade de o trabalharmos continuamente no sentido de nos tornar-mos melhores pessoas e porque não atingirmos “a melhor versão de nós próprios”.

Porque é que desde sempre e cada vez mais o Mundo se vê a braços com Guerras, Violência, Destruição, E Morte?

Há quem defenda que faz parte da condição humana. Será?

Na verdade desde sempre o homem lutou contra outros homens para conseguir supremacia, mas com a evolução constante da raça humana, não seria natural que essa evolução fosse no sentido do “Eu” da paz que julgo existir em todo o ser humano, prevalecesse sobre o “Eu” agressivo que também existe em todos nós?

Dizem os “Entendidos” que é um assunto complexo e que envolve muitas teorias!

Para nós, pacifistas 100% achamos que bastava uma dose de bom senso e muito diálogo construtivo e certamente tudo seria diferente.

Pelo interesse que julgo ter, vou contar uma história que li há uns anos atrás e que aborda os dois Lobos que existem dentro de todos nós.

“Uma Noite, um velho Índio CheroKee, contou ao seu neto sobre a guerra que acontece dentro das pessoas.
E disse: A Batalha é entre dois “Lobos” que vivem dentro de todos Nós!

Um dos lobos, é Mau, incentiva a Raiva, a Inveja, o Ciúme, a Cobiça, a Arrogância, o Ressentimento, as Mentiras, o Ego, sentimentos de Superioridade e Inferioridade, pena de si mesmo e o Falso Orgulho.

O Outro, o Lobo Bom, estimula a Alegria, a Paz, a Esperança a Serenidade a Humildade, a Bondade, a Benevolência, a Empatia, a Generosidade, a Verdade, a Fé e a Compaixão.
O Neto pensou nessa Luta e perguntou ao Avô:
– Qual é o Lobo que Vence?
O Velho Índio Respondeu :
Vence aquele que nós alimentámos!

A Simplicidade desta Fábula e a realidade que ela representa ajuda-nos a encarar a o facto de que nem sempre somos o que pensámos ser  mas as nossas acções é que nos fazem ser aquilo que na realidade somos, boas ou más pessoas.

Acreditámos que alimentar diariamente com qualidade o “Lobo Bom” nos ajuda a alcançar a nossa melhor versão e naturalmente um alto patamar de felicidade.

Até Breve

Milú e António

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao publicar um comentário neste site, concordas com a politica de privacidade do site acerca de como os teus dados são guardados e geridos.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: