Categoria: Uncategorized

O Apadrinhamento da Yvette

O Apadrinhamento da Yvette

lifextreme
Nós Apadrinhamos a YVETTE

Como te Sentirias ao Apadrinhar uma Criança?

Já pensaste que com tão pouco podes permitir que estudem e sonhem com uma vida melhor?

E saber que lhe proporcionaste voltar a sorrir, não é fantástico?

O apadrinhamento é um compromisso moral com resultados imediatos no presente e futuro das crianças, pois garante  a alimentação,educação e promove o seu desenvolvimento individual, consequentemente o desenvolvimento social.

No dia 12 de Setembro em pleno Lifextreme o maior evento de Internet Marketing a nível Ibérico, foi feito mais uma vez o apadrinhamento de crianças do Benin (África).

Lifextreme
Estas Crianças do Benin foram apadrinhadas no Lifextreme-O Maior Evento de Internet Marketing a Nível Ibérico

Nós como não podia deixar de ser aderimos e apadrinhamos uma menina de 10 anos de idade.

Era um sonho que tínhamos poder fazer a diferença na vida de uma criança necessitada.

O Lifextreme deu-nos essa possibilidade através do GAS- Grupo de Ação Sociae não a desperdiçamos.
Trata-se do apadrinhamento da Yvette, uma menina de África (Benin) que com uma pequena contribuição nossa, inferior ao preço de um café diário terá garantida a sua sustentabilidade até atingir os 18 anos.
Incrível como com tão pouco podemos contribuir para o futuro de uma criança!

Se todos contribuirmos com uma gota ela vai-se transformar num Oceano!

Pensa Nisso é uma Forma de Fazeres a Diferença na Vida dos Outros!

O facto do o nosso trabalho ser baseado neste blogue permite-nos ter tempo e disponibilidade para nós e para aqueles que mais necessitam.

 Se Queres Saber Como o Fazemos Informa-te Aqui!

 

Missão Guiné 2015!

Missão Guiné 2015!

O Que é a Missão Guiné 2015?

É uma acção humanitária que o Gas-Grupo de Ação Social vai levar a efeito e que terá início já no próximo dia 1 de Maio 2015.

Trata-se de mais uma Caravana solidária idêntica à que sucedeu no ano passado, só que desta vez numa dimensão muito maior. São muitas as viaturas carregadas de material bens e equipamentos fundamentais com destino a organizações humanitárias não governamentais a operarem naquele país, um dos mais pobres do mundo. Serão oferecidos não só

guine6os materiais mas também as próprias viaturas incluindo 5 Ambulâncias. (Perguntas e respostas sobre esta missão clica AQUI).

As melhores expectativas estão a ser ultrapassadas olhando à quantidade de bens de primeira necessidade (roupas, brinquedos, leite em pó, e muitos outros produtos alimentares, medicamentos e materiais de cirurgia, sementes, material escolar, livros, etc.) que estão sempre a chegar à Associação de Serviço e Socorro Voluntário de São Jorge, local onde está a ser feita a triagem, separação e acondicionamento de todo o equipamento oferecido para posteriormente ser colocado nas viaturas que seguirão até Guiné.
guine7Têm sido um movimento imparável, simplesmente fantástico. Outra coisa não seria de esperar por parte da nossa organização “Lazy Millionaires League”. Esta forma de estarDSC_6259 na vida, esta disponibilidade total e espírito de entreajuda é apanágio de todos nós. O que me deu grande satisfação foi ver pessoas completamente anónimas não ligadas à nossa organização, juntarem-se e organizarem eventos no sentido de angariar fundos para assim poderem também participar nesta tão nobre missão.
Para estes vai um agradecimento especial, bem como para todas as empresas que participaram enviando donativos.

O nosso dia a dia é vivido sempre com grande intensidade. Fazemos um trabalho que nos dá imenso prazer e ótimos rendimentos e assim permite-nos desfrutar a vida e fazer a diferença na vida dos outros.

Anda ver como é bom trabalhar numa área nova “Internet Marketing”, usufruir do prazer do trabalho a partir de casa ou de outro sítio qualquer.

 

Desafia-te porque ter desafios é que faz a vida interessante e superá-los faz a vida ter sentido!

Sem qualquer compromisso clica AQUI, e em seguida deixa o teu e-mal.
Vais receber toda a informação sobre este negócio.

Se dúvidas tiveres, contacta-me.

 

acesso imediato

Qual Será a Importância do Animal na Vida da Criança?

Qual Será a Importância do Animal na Vida da Criança?

crianças1
Um animal transmite tranquilidade à criança.

Já pensastes o quanto é importante um animal na vida de uma criança?

E a cumplicidade que existe entre uma criança e um animal, não é fantástica?

Um dos sonhos mais comuns nas crianças é ter um animal de estimação com que possam brincar, e muito mais nos dias de hoje porque nos deparamos com um problema grave que é a falta de tempo dos pais para estarem com os filhos.

Muitas vezes essa falta é compensada com bens materiais.

Não será muito mais benéfico para a criança proporcionar-lhe a companhia de um animal?

Um  animal transmite tranquilidade à criança, faz-lhe companhia, brinca com ela e ensina-a a respeitá-lo, o que pressupõe um princípio de respeito pelos outros e vai colmatar um pouco a falta de tempo dos pais proporcionando-lhe momentos de felicidade que jamais esquecerá.

[fancy_box id=2]

Este eBook é uma Oferta, clica na imagem e vais recebê-lo no teu email.

Capa_Pai_Rico_Pai_Pobre

[/fancy_box]

Animais e crianças possuem  duas características que fazem com que essa relação seja fácil, porque ambos gostam de brincar e possuem uma comunicação mais gestual do que verbal..

Mas para muitos pais conscientes de que ter um animal é mais uma preocupação, negam por vezes esse sonho aos filhos, esquecendo-se da felicidade e alegria que lhes iriam proporcionar, para além das lições de vida que um quatro patas lhes pode proporcionar.

Vou-te contar um pouco da minha fase de criança, onde a presença de animais sempre foi uma constante.
Gatos, Cães e até periquitos que aprendi a domesticar.

Tinha eu cerca de 5 anos e nessa altura vivia com os meus pais em casa dos meus avós, uma vivenda com um grande quintal, que era óptimo porque poderia brincar ao ar livre sem qualquer perigo.
kalatu-banner3-728x90

Eu que sempre gostei imenso de animais, nada melhor do que isso para poder conviver com eles normalmente animais que apareciam de uma forma inesperada, aquilo que na altura se chamava de “vadios”.

O meus avós na altura tinham um cão de nome Fufu, espectacular com um pelo castanho dourado, orelhas grandes e caídas e um olhar doce, era o meu companheiro nas brincadeiras, além de protetor.

Era mesmo uma criança feliz e livre pois não tinha de estar  dentro de quatro paredes, que é o que acontece à maioria das criança hoje mas sim vivia ao ar livre, convivendo com a natureza e principalmente com os animais que me proporcionavam momentos ainda hoje inesquecíveis.

ninfa
A nossa companheira fiel há 15 anos.

Durante todo o meu percurso de vida sempre convivi com animais e como mãe tendo sempre ao meu lado um pai presente , foi sempre nossa preocupação proporcionar aos nossos filhos essa vivência porque sabemos os dois da importância que isso teria na sua evolução como seres humanos.
Neste momento temos uma cadela que já está connosco há 15 anos e que se juntou a nós com apenas 1 mês e meio de idade é uma Husky Siberiana de nome Ninfa, com os olhos de um azul cintilante, pelo cinza, e uma máscara bem definida.

É Linda e uma companheira fiel.

Sempre tive bastante empatia com os animais e tenho a certeza que a convivência que tive com eles em criança teve muito influência na minha forma de ser hoje, ensinou-me a amar de uma forma incondicional e a respeitar os outros.

 

A partir da convivência com animais, a criança aprende a se relacionar com as outras pessoas, desenvolvendo a sensibilidade, a observação, a compreensão e os sentimentos de solidariedade, generosidade, zelo, afecto, carinho e respeito.
baner do blog3

É preciso que as crianças aprendam a conhecer e compreender o seu novo amigo, porque dessa forma vão conseguir criar uma relação especial, que recordarão para sempre como algo de maravilhoso.

Os animais também podem ser fortes aliados no desenvolvimento físico das crianças através de brincadeiras e exercícios. Os cães, por exemplo, exigem caminhadas diárias, isso pode incitar a criança a fazer passeios e jogos ao ar livre.

Além do afecto, os animais também podem produzir outros benefícios para a saúde.
As terapias assistidas por animais são capazes de promover melhoras físicas, sociais, emocionais e cognitivas humanas.

 

crianças17
A Criança quando convive com animais torna-se mais autónoma.

Uma criança que convive com animais é normalmente mais autónoma, desenvolve a sua personalidade de uma maneira mais saudável, possuindo maior auto estima.

Mas antes de terminar este artigo gostaria de deixar esta mensagem :

Animais e crianças uma combinação perfeita que garante amor para toda vida.

Até breve

Milú e António

 aprende

Fazemos a Diferença na Vida dos Outros-2

Fazemos a Diferença na Vida dos Outros-2

Perguntas e Respostas Sobre a 2ª Missão Humanitária do Gas-Grupo de Ação Social à Guiné Bissau.

(2ª parte de 2)
se queres vêr a 1ª parte clica aqui

Ação No Terreno:

Durante os dias de permanência todas as pessoas são envolvidas em acção voluntária. Vão na comitiva técnicos informáticos, para repararem computadores atualmente não-operacionais, e vai ser dada formação a formadores para ficarem depois como polos de info-inclusão nas comunidades.

Quem São Os Lazy Millionaires:

São empreendedores independentes associados com uma rede mundial de Marketing na internet chamada Empower Network.

Os Lazy Millionaires dedicam-se a requalificar profissionalmente os indivíduos dando-lhes competências dentro do Internet Marketing e de atitude empresarial e prepara-os para uma vida ativa dentro da nova economia.

Desde a sua fundação, em 2012 , os Lazy Millionaires doaram muitos milhares de euros e envolveram-se em ações de voluntariado.

Entendem que o sucesso vêm com a consciência de que toda a humanidade faz parte do mesmo todo e de que tudo o que se faz pelos mais necessitados regressa na forma de imensa abundância.

O QUE É O GAS?

Informa_ao-Missao-Guine-2015

O Gas-Grupo de Ação Social é uma equipa dentro dos Lazy Millionaires que têm a responsabilidade de elevar a Consciência Social de todo o grupo, e de proporcionar a todos a canalização das suas ações e recursos de carácter social.

Funciona em estreita parceria com a IPSS Associação de Serviço e Socorro Voluntário de S. Jorge e dedica-se à identificação de necessidades locais e longínquas, à recolha de fundos e à organização de eventos de carácter social como a Missão Humanitária em questão.

Desde a Sua Fundação Em Setembro 2013, Já Realizou:

– Ateliers de Natal envolvendo dezenas de voluntários Lazy Millionaires em atividades lúdicas e culturais, junto de famílias carenciadas com crianças-

– Equipou com 16 computadores a Primeira Sala Lazy de combate à info-exclusão e proporciona que pessoas idosas, sós e crianças de poucos recursos tenham aulas de computadores e internet.

– Realizou a Missão Guiné 2014

– Equipou a casa de ” O Aconchego”, um centro de acolhimento de crianças em perigo, em Peniche.missao aconchego

-Apadrinhou Um Orfanato Inteiro, no Benim, Com 65 Crianças.

– Está a Organizar a Missão Guiné 2015 com 5 Vezes Mais Impacto, Meios e Pessoas que a Edição de 2014.

Nós levámos muito a sério o sentido da vida. Nós temos uma profissão que nos permite ter rendimentos acima da média, fazer o que gostámos desfrutando a vida, e em simultâneo contribuímos apoiando quem por razões diversas estão a viver em condições abaixo daquilo que se chama dignidade.

Se Queres Saber Porque o Fazemos, Clica Aqui  e Deixa o Teu Email.

Acredita Que Não te Vais Arrepender.

há vagas

Fazemos a Diferença na Vida dos Outros

Fazemos a Diferença na Vida dos Outros

Perguntas e Respostas Sobre a 2ª Missão Humanitária do Gaz-Grupo de Ação Social à Guiné Bissau:

1. Levar 50 viaturas para oferecer a organizações não governamentais que operem na Guiné Bissau (e que serão  selecionadas pelo ONG que nos apoia: A  Fundação João XXIII).

2. Dar formação em informática a professores e pessoas  responsáveis dessas  organizações para que possam usufruir dos computadores que lhes foram e  possam vir a ser doados.

3. Levar material escolar, hospitalar e sementes.

4. Dar visibilidade à realidade que se vive naquele que é o 5º país mais pobre do  Mundo.

missaoguine1

Recursos Financeiros:

O financiamento desta Missão Humanitária é suportada por um grupo de empreendedores e Entidades Associadas que além de pagarem todos os custos, ainda contribuem com as viaturas, materiais e donativos.

Pelo facto de TODOS os custos da missão estarem garantidos, pelo grupo de empreendedores e parceiros, TODAS as doações são entregues a 100% nas comunidades de destino, em mão, pelos membros da comitiva.

Todos os contributos financeiros recebem um recibo dedutível em 130% da matéria colectável.
A entidade de apoio financeiro que passa os recibos, é a IPSS Associação de Serviço e Socorro Voluntário de São Jorge no concelho de Porto de Mós.

 

missão guiné

Viaturas:

Das 50 viaturas a entregar, levaremos um misto de 4 lugares e de 9 lugares e 4 ambulâncias. São viaturas usadas, de mecânica simples e pouca eletrónica para poderem ser facilmente mantidas em funcionamento prolongado depois de entregues.

As carrinhas de 9 lugares com 4 passageiros no máximo cada uma e o resto do espaço para material de ajuda e as viaturas de 5 lugares, com no máximo 2 ocupantes cada uma, o restante espaço destina-se a ajuda humanitária.
Cada viatura será entregue em mão nas instituições de destino.

 Sementes: 

Uma das grandes dificuldades locais é o acesso a sementes para cultivo.
Alface, feijões, grão, tomate, cenoura, pimento e outras.

Objectivo:

Está já em marcha um projeto agrícola de escala considerável. Esta iniciativa destina-se a prover este projeto agrícola das sementes necessárias para produzir excedentes que possam ser vendidos e ajudar ao financiamento das escolas e hospitais da região.

 Guine2 2015

 MATERIAL ESCOLAR E HOSPITALAR:

Respondendo ao apelo da Fundação João XXIII que é a organização de apoio no terreno, estes materiais são os que mais falta fazem para apoiar as populações nos cuidados básicos de saúde e de educação que são os pilares de qualquer nação.

Levaremos as viaturas com o máximo de materiais possíveis para ficarem lá.

Cadernos, lápis, esferográficas, borrachas, resmas de papel, réguas e esquadros, afiadeiras, etc.
Computadores, seringas, agulhas, gaze, pensos, etc…

1ª Parte do Artigo (Tem Continuação no Próximo Post)

Até ao Próximo!

Se Queres Saber Quem Somos.

CLICA AQUI

GAS – A Ação Social e a viagem à Guiné Bissau!

GAS – A Ação Social e a viagem à Guiné Bissau!

O G.A.S – Grupo de Acção Social nasceu dum sonho que se tornou realidade graças ao empenho e dedicação de pessoas com um coração grande e conscientes do verdadeiro sentido da vida. “Desfrutar-mos ao máximo, fazendo também a diferença na vida dos outros

A ideia partiu de J. Miguel Borges homem pouco comum, na forma como vê o mundo e a vida e acima de tudo um empreendedor Social, com longo curriculum no apoio a causas sociais.

Miguel Borges num dos nossos encontros de Marketing Digital ao vivo LifeExtreme, e em longa conversa com Rui Gabriel, o fundadores da Universidade Tribo, partilhou o sentimento de que deveríamos todos fazer parte de algo maior, com mais significado.

O Rui convidou o Nuno Rebocho mais um ser humano fantástico e bastante experiente em projetos de ação social, que pôs de pé, em conjunto com os restantes, o GAS – Grupo de Ação Social.

O Nuno por ser a pessoa que é e ter uma capacidade de organização extraordinária foi quem liderou o  Projeto da Missão Humanitária à Guiné onde levámos 10 carros e 1 ambulância, tudo carregado com roupas, brinquedos, material hospitalar, livros, material didático, sementes e deixámos lá os carros que tinham sido previamente comprados por nós.

Foram percorridos mais de 5500 Km durante 7 dias, a conduzir 11h de condução real por dia, com dezenas de paragens técnicas, com 2 motores abertos. Uma grande aventura com um final feliz.

De relevância também foi o nosso envolvimento em Benim, um dos países mais pobres do mundo . Uma equipa constituída por Nuno, Miguel, Rui e Benito, em nome do GAS, foi incumbida de dar apoio a uma instituição que abrigava 42 crianças e que em pouco tempo num lifextreme, numa questão de minutos conseguimos apadrinhar TODAS as crianças e ter inclusive mais padrinhos que crianças!!!

Importantíssimo foi a garantia dada por parte da Empower Network de assegurar a sustentabilidade deste orfanato PARA SEMPRE.

Fizemos e continuaremos atentos, algumas missões humanitárias em Portugal, como a do CAT – Centro de Acolhimento Temporário para crianças em risco, onde recuperámos uma parte importante deste espaço, comprando materiais, e instalando todas as coisas.

Temos feito também algumas missões de apoio a crianças, idosos, pessoas info-excluidas, com o mesmo espírito de sempre.

Agora Estamos a Preparar Algo Ainda Mais Grandioso.

2ª  Missão Humanitária à Guiné-Bissau, com partida no próximo dia 1 de Maio e desta vez serão 50 carros carregados de material e 120 pessoas na maior caravana humanitária que Portugal empreendeu.

Essa oportunidade também pode ser sua ao afiliar-se na Empower Network. Não só estará a mudar a sua vida, como a de muitas outras pessoas. Imagine o impacto na vida das pessoas a quem irá divulgar esta oportunidade de negócio!

Às vezes nem imaginamos quanto uma decisão nossa pode fazer uma grande mudança no mundo que nos rodeia!

Até Breve

Milú e António

 

 

Será a Crise a Causadora do Abandono de Animais?

Será a Crise a Causadora do Abandono de Animais?

A Relação do Abandono Dos Animais Com a Crise Que se Vive Actualmente, é Uma Triste Realidade. 

abandono8

Os cortes nos gastos já estão a atingir os animais de estimação. À sombra da crise, milhares de animais de companhia são abandonados de norte a sul do país: nas ruas, entregues aos cuidados de associações ou depositados em canis municipais.

De acordo com os dados divulgados pela Direção Geral de Alimentação e Veterinária só na Grande Lisboa a captura de animais errantes, cães e gatos, passou de 4442, em 2010, para 5629, em 2011. Um aumento considerável para quem está encarregue, não só, de tirar estes animais da rua, como de lhes dar um destino.

De lotação esgotada, a maioria das associações luta todos os dias para fazer face a um problema que cada vez mais caminha a par e passo com a crise. A falta de apoios, financeiros e alimentares, a diminuição do número de sócios e a falta de espaço para acolher tantos animais faz com que a vontade de ajudar seja incompatível com a realidade.

abandono6

Mais animais, menos adoções: uma combinação preocupante.

A balança mostra um desequilíbrio ainda maior quando o número de devoluções de animais se alia à indisponibilidade para adotar ou para adoções com prazo de validade, já que muitos animais são devolvidos ao fim de pouco tempo.abandono7

Às antigas razões apontadas para abandonar o amigo de quatro patas, como as alergias, os divórcios ou as férias de verão, junta-se agora a falta de dinheiro e a taxa de emigração que cresce com os problemas económicos do país. Tudo isto faz um cocktail onde, além do sofrimento dos animais, se alastra a problemas de saúde pública e até de segurança para as pessoas.

Até nos veterinários são largados animais

 Para quem o abandono do animal não é opção, o descuido dos cuidados veterinários deste começa, contudo, a ser uma inevitabilidade. São muitas as pessoas que pela sua fraca condição económica adiam os cuidados médicos do animal ou, no limite, acabam mesmo por se “esquecerem” de ir buscar o bicho após uma intervenção cirúrgica ou outro tipo de tratamento ambulatório.abandono4

Canis municipais, associações e entidades como a Ordem dos Médicos Veterinários, unem-se no apelo ao “não abandono dos animais”.

Uma boa intenção, mas se o passado não resolveu o problema, muito menos agora conseguirá ter sucesso para travar o que está a acontecer. É que, como a crise não dá sinais de vir a passar nos próximos tempos, este é um problema que tende a agravar-se até ao ponto de atingir as proporções que tem neste momento a Grécia, como tão bem descreveu Clara Ferreira Alves na reportagem que fez em Atenas para o Expresso: “Os cães dormitam na sombra dos prédios e das igrejas, no vão das portas e das lojas, nas lajes das praças e monumentos. Dormitam e vagueiam, sem rumo, abandonados. São mabandono gatouitos. São demasiados.”

Este é um dos grandes problemas atuais da nossa sociedade!

 

%d bloggers like this: